Your address will show here +12 34 56 78
Curso Técnico de Comunicação e Serviço Digital, Curso Técnico de Multimédia, Cursos
Cursos Profissionais de Formação Digital é o tema do artigo que hoje trazemos.

Nos últimos anos, testemunhamos uma rápida transformação digital que revolucionou a maneira como vivemos, trabalhamos e nos conectamos. No entanto, à medida que a tecnologia se torna cada vez mais integrada em todos os aspetos da nossa sociedade, surge um desafio significativo: a escassez de profissionais qualificados em tecnologia da informação (TI).

Com a dependência crescente da tecnologia, as empresas em todo o mundo estão a enfrentar uma barreira para avançar no mundo digital. A procura por especialistas em TI supera em muito a oferta disponível, resultando num défice global de talentos nessa área crucial.

Antes de prosseguirmos, espreitem este excerto de uma notícia de um estudo do ManpowerGroup que entrevistou mais de 38 mil empregadores em 41 países e territórios.




Nos sectores dos Serviços de Comunicação – que incluem telecomunicações e media -, Finanças e Imobiliário e Energia e Utilities, a escassez de talento fixa-se nos 81%, surgindo, de seguida, o sector das Tecnologias da Informação, a registar um valor de 80%.




Esta notícia e outras são frequentes e a Escola Profissional Raul Dória está sempre atenta às necessidades do mercado de trabalho, definindo a sua oferta formativa de acordo com as necessidades do mercado, em particular na região do Porto. 


Por essa mesma razão a equipa da Escola Profissional Raul Dória empenhou-se na elaboração de uma candidatura a um Centro Tecnológico Especializada na Área Digital, tendo conseguido um parecer favorável à proposta de aprovação.

Este parecer favorável implica que a Escola Profissional Raul Dória terá a oportunidade de se tornar num centro de referência no que respeita à formação profissional na  área de formação digital, uma vez que ficará apetrechada com tecnologia de ponta, com capacidade para formar recursos humanos altamente especializados e prestar um apoio avançado ao processo de modernização de empresas e instituições da região.





Que Cursos Profissionais oferece a EPRD na Área da Formação Digital?



O
Curso Profissional Técnico de Comunicação e Serviço Digital e o Curso Profissional Técnico de Multimédia.
Estes cursos são projetados para preparar os alunos para a crescente procura de profissionais no mercado digital e fornecer as competências necessárias para se destacarem nesta indústria em constante evolução.


Motivos para escolher o Curso Profissional Técnico de Comunicação e Serviço Digital

O Curso Profissional Técnico de Comunicação e Serviço Digital oferecido pela Escola Profissional Raul Dória é uma escolha ideal para aqueles que se interessam por áreas como marketing digital, gestão de redes sociais, desenvolvimento de conteúdo online e atendimento ao cliente digital.

Os alunos deste curso têm a oportunidade de aprender não apenas os fundamentos teóricos, mas também as habilidades práticas necessárias para ter sucesso numa variedade de funções na área digital.
 


Ainda não sabes se este é o curso adequado para ti?

Então consulta a nossa página do Curso Técnico de Comunicação e Serviço Digital!




Motivos para escolher o Curso Profissional Técnico de Multimédia

O Curso Profissional Técnico de Multimédia é perfeito para quem deseja explorar as nuances da produção de conteúdo digital, design gráfico, animação, edição de vídeo e muito mais.

Os alunos deste curso têm a oportunidade de desenvolver sua criatividade e habilidades técnicas, enquanto aprendem a utilizar ferramentas e softwares de última geração para criar conteúdo visualmente cativante e envolvente.



Ainda não sabes se este é o curso adequado para ti?

Então consulta a nossa página do Curso Técnico de Multimédia!




Além do currículo abrangente (podem consultar a oferta formativa para 2024/2025 aqui), a Escola Profissional Raul Dória oferece um ambiente de aprendizagem inspirador, com professores dedicados e experientes e sempre integrando projetos nacionais e internacionais. 

Ao concluir com sucesso um dos cursos profissionais oferecidos, o alun@ estará pronto para ingressar no mercado de trabalho ou prosseguir estudos em instituições de ensino superior. Com a procura por profissionais digitais em constante crescimento, as oportunidades são imensas.

Portanto, se estás pronto para abraçar o futuro digital, não esperes mais. Inscreve-te na Escola Profissional Raul Dória e dá o primeiro passo em direção a uma carreira gratificante e cheia de possibilidades.

O mundo digital espera por ti, e nós estamos aqui para te ajudar a alcançá-lo.

Faz já a tua
INSCRIÇÃO

 


0

Curso Técnico de Organização de Eventos, Cursos

O Curso Profissional Técnico/a de Organização de Eventos regressa pelo segundo ano consecutivo à oferta formativa da Escola Profissional Raul Dória, fazendo parte de um leque de treze cursos para o ano letivo 2024/2025!



Consulta a Oferta Formativa para 2024/ 2025
AQUI



Quem é o Técnico de Organização de Eventos?


O Técnico/a de Organização de Eventos é o profissional qualificado apto a coordenar e implementar o conjunto diversificado de operações que caracterizam o evento, tais como: programação, planeamento, contratualização e orçamentação, gestão de equipas, relações públicas e avaliação, utilizando as técnicas e procedimentos adequados.

Este curso tem a duração de 3 anos e dupla certificação: 12º ano de escolaridade + Certificado Profissional Nível 4.

 

O que faz um Técnico de Organização de Eventos?

O Técnico/a de Organização de Eventos tem várias funções, até porque é ele que está à frente de toda a organização dos eventos. Ele é responsável por todas as áreas (operacional, administrativa e organizacional).
Todas as etapas da organização passam pelo organizador de eventos, sendo ele o grande responsável por tudo o que acontece.
Algumas das tarefas de um organizador de eventos são as seguintes:
– Planear o evento
– Contactar com fornecedores
– Selecionar empresas de serviços (catering, música, montagem, infraestruturas, segurança, entre outras)
– Garantir o cumprimento do cronograma
– Resolver problemas que vão surgindo
– Acompanhar a montagem, assim como a desmontagem da produção
– Contactar e acordar todas as condições com agentes de artistas, músicos, entre outros
– Contactar com a imprensa
– Angariar e falar com patrocinadores
– Criar orçamentos
– Criar os conteúdos e a programação para o evento



Quais as funções de um Técnico de Organização de Eventos?

 

– Proceder à análise das necessidades e das condicionantes apresentadas pelo cliente, de forma a permitir a conceção do evento e a avaliação da sua viabilidade;
– Proceder à conceção e definição do evento a realizar, criando a ideia e o layout conceptual do evento e desenvolvendo o seu branding, tendo em conta as necessidades do cliente e o budget previamente identificados;
– Proceder ao planeamento geral do evento;
– Proceder à apresentação da proposta do evento ao cliente, com vista à sua aprovação, especificando, nomeadamente, o tipo e o programa do evento, os recursos necessários e a estimativa de custos e receitas associados;
– Conceber planos de informação e promoção do evento e gerir o seu desenvolvimento junto do público alvo;
– Proceder ao planeamento detalhado do evento, com vista à sua implementação;
– Providenciar os recursos para a realização do evento;
– Coordenar e acompanhar as equipas de trabalho na implementação do evento, garantindo o cumprimento do cronograma de produção e a resposta a imprevistos e/ou situações de emergência;
– Avaliar o desempenho geral do evento, de forma a permitir melhorar o desempenho em eventos subsequentes;
– Promover a divulgação dos resultados do evento junto dos órgãos de comunicação social e/ou do público alvo, providenciando, nomeadamente, a organização de conferências de imprensa, a realização de entrevistas com jornalistas, a criação de salas de imprensa e o desenvolvimento de videoconferências.

 



Ainda não sabes se este é o curso adequado para ti?
Então consulta a nossa página do Curso Técnico de Organização de Eventos!


 

Quais as saídas profissionais do Curso Técnico de Organização de Eventos?

 

Empresas especializadas em organização de eventos, nomeadamente de marketing, de comunicação, de turismo, de hotelaria, de catering, de espetáculos, de festas/festivais, de provas desportivas, de congressos e de exposições.

 

 

Que benefícios tens ao estudares no Curso Profissional Técnico de Organização de Eventos?

 

– Bolsa de material;

– Subsídio de alimentação;

– Bolsa de profissionalização;

– Seguro de acidentes pessoais;

– Estágio em empresa do setor;

– Qualificação profissional certificada;

– Acesso ao ensino superior;

– Participação em projetos Erasmus+.

 

É este o Curso que procuras?
Faz já a tua
INSCRIÇÃO

0

Curso Técnico de Turismo, Cursos

O Curso Profissional Técnico/a de Turismo regressa pelo segundo ano consecutivo à oferta formativa da Escola Profissional Raul Dória, fazendo parte de um leque de treze cursos para o ano letivo 2024/2025!


Consulta a Oferta Formativa para 2024/ 2025
AQUI


 

Quem é o Técnico de Turismo?

O Técnico/a de Turismo é o profissional que executa serviços de informação, animação e organização de eventos em empresas de turismo, de reservas em agências de viagens e de receção e acolhimento em unidades turísticas.


Este curso tem a duração de 3 anos e dupla certificação: 12º ano de escolaridade + Certificado Profissional Nível 4.


O que faz um Técnico de Turismo?

 

O Técnico de Turismo deve ser capaz prestar informações de carácter turístico sobre o país e o local onde se encontra, organizar eventos, conferências e acompanhar programas de animação turística para grupos, efetuar pesquisas de diversos tipos de informação para promover produtos e serviços turísticos e prestar assistência ao cliente e efetuar reservas e emite documentação relevante para as viagens ou serviços a prestar.

 

Quais as funções de um Técnico de Turismo?

 

 – Desenvolver os serviços de informação, organização e animação de eventos em empresas de turismo:

– Prestar informações de carácter turístico sobre o país e sobre o local onde se encontra;

– Organizar e acompanhar programas de animação;

– Organizar eventos, conferências e programas especiais para grupos;

– Proceder ao atendimento e acompanhamento de clientes, identificando as suas necessidades e orientando as suas escolhas; 

– Executar serviços em agências de viagens;

– Apresentar, aconselhar e propor ao cliente diversos tipos de produtos turísticos adequados à sua motivação e interesses;

– Transmitir aos clientes toda a informação e documentação relativa ao serviço turístico solicitado;

– Efetuar as reservas, emitir bilhetes e vouchers e outra documentação relevante para as viagens ou serviços a prestar;

– Proceder à venda e faturação dos serviços prestados;

– Organizar processos individuais de clientes, efetuar transfers de chegada e partida;

– Prestar assistência em aeroportos (chegadas e partidas);

– Realizar programas de viagens, conferências, etc. ;

– Organizar eventos e programas para grupos especiais;

– Proceder ao acompanhamento de fornecedores de serviços de agências de viagens, tais como operadores turísticos, empresas ou clientes individuais em fase de contratação;

– Organizar o arquivo da agência de viagens;

– Executar os serviços de receção e acolhimento em unidades turísticas:

– Efetuar a pesquisa de diversos tipos de informação turística;

– Prestar informação e promover produtos e serviços turísticos;

– Vender produtos e serviços turísticos;

– Efetuar as operações de reservas;

– Prestar informação sobre o património histórico, cultural, etnográfico e gastronómico da região e do país;

– Prestar assistência ao cliente;

– Realizar o atendimento e a receção do cliente.




Ainda não sabes se este é o curso adequado para ti?
Então consulta a nossa página do Curso Técnico de Turismo!



  •  
  • Quais as saídas profissionais do Curso Técnico de Turismo?

  •  

– Agências de viagens;

– Receção de hotéis;

– Empresas de rent-a-car;

– Empresas de reservas;

– Departamentos comerciais;

– Empresas com atividades turísticas.


 

Que benefícios tens ao estudares no Curso Profissional Técnico de Turismo?

 

– Bolsa de material;

– Subsídio de alimentação;

– Bolsa de profissionalização;

– Seguro de acidentes pessoais;

– Estágio em empresa do setor;

– Qualificação profissional certificada;

– Acesso ao ensino superior;

– Participação em projetos Erasmus+.

É este o Curso que procuras?
Faz já a tua
INSCRIÇÃO


 

0

Curso Técnico de Contabilidade, Cursos

O Curso Profissional Técnico/a de Contabilidade continua a ser uma das grandes apostas da Escola Profissional Raul Dória. 


Quem é o Técnico de Contabilidade?



O Técnico/a de Contabilidade é o profissional qualificado apto a desempenhar tarefas contabilísticas e administrativas inerentes ao correto funcionamento das empresas e outras organizações, nomeadamente nos domínios do planeamento, organização, execução e controlo de acordo com a legislação aplicável.

O Técnico/a de Contabilidade faz parte da equipa de contabilidade de uma organização e é o grande responsável por organizar e processar os dados de contabilidade da empresa, sendo um dos profissionais mais procurados no mercado de trabalho.

Este curso tem a duração de 3 anos e dupla certificação: 12º ano de escolaridade + Certificado Profissional Nível 4.

 

O que faz um Técnico de Contabilidade?

 

O Técnico de Contabilidade é o braço direito do contabilista, pelo que desenvolve tarefas como recolher e registar dados contabilísticos, calcular juros e impostos, desenvolver relatórios de contabilidade, entre outras. É o responsável por ter os dados contabilísticos organizados e em dia, fazendo  parte da equipa de contabilidade de uma organização ou empresa.

 

Quais as funções de um Técnico de Contabilidade?

 

– Preencher documentação comercial e fiscal de uso corrente;

– Preparar a informação e a documentação das empresas e outras organizações no âmbito das funções de aprovisionamento, de produção, pessoal, comercial, administrativa e financeira; 

– Organizar, classificar e registar documentos contabilísticos, em função do seu conteúdo, utilizando para o efeito o plano oficial de contas do setor respetivo e as normas fiscais vigentes; 

– Arquivar os documentos relativos à atividade contabilística; 

– Consultar, interpretar, analisar, sintetizar e avaliar a informação constante das peças contabilísticas; 

– Utilizar aplicações informáticas específicas; 

– Auxiliar o Técnico Oficial de Contas (TOC) nas tarefas por ele atribuídas no que se refere à recolha de dados necessários à elaboração, pela gestão, de relatórios periódicos da situação económico-financeira da empresa ou outra organização, nomeadamente orçamentos, planos de ação e inventários.


Ainda não sabes se este é o curso adequado para ti?
Então consulta a nossa página do Curso Técnico de Contabilidade!




Quais as saídas profissionais do Curso Técnico de Contabilidade?

 

Gabinetes de Contabilidade, Fiscalidade e Auditoria;

– Gabinetes de Contabilidade e Tesouraria de empresas públicas e privadas.


Estes são alguns exemplos, mas tem em mente que todas as empresas utilizam a Contabilidade!


A Contabilidade é o livro de uma empresa onde tudo fica registado e a sua leitura permite tirar conclusões úteis!

De acordo com Paulo Manuel Jesus, Diretor da Pmj – Soluções Globais de Gestão:



“Hoje é impensável uma microempresa não ter aconselhamento na área contabilística, fiscal e em gestão geral. “


Poderás ler a entrevista a Paula Manuel Jesus na Valor Magazine!


Que benefícios tens ao estudares no Curso Profissional Técnico de Contabilidade?

 

– Bolsa de material;

– Subsídio de alimentação;

– Bolsa de profissionalização;

– Seguro de acidentes pessoais;

– Estágio em empresa do setor;

– Qualificação profissional certificada;

– Acesso ao ensino superior;

– Participação em projetos Erasmus+.

– Participação no projeto TCONT EXPLICA.


Quem é o Diretor do Curso Profissional Técnico de Contabilidade?

 





É este o Curso que procuras?
Faz já a tua inscrição!


Fitness Products Professional Disc Racks – Diamond® anazole ladies woman-fitness tendar shitsetsang (wil sg) | contact
0

Curso Técnico de Organização de Eventos, Cursos, Raul Dória
Curso de Organização de Eventos visita Museu FC Porto é o tema do artigo de hoje.

Os alunos do 10º ano do Curso Profissional Técnico/a de Organização de Eventos realizaram uma visita de estudo ao Museu do Futebol Clube do Porto (Museu FC Porto), tendo a oportunidade de visitar o estádio, conhecer as grandes conquistas do clube, incluindo as vitórias nas competições nacionais e internacionais, as lendas que fizeram história no clube e os momentos inesquecíveis que marcaram a trajetória do FC Porto.


Para os nossos alunos, aspirantes a organizadores de eventos, esta visita representou mais do que apenas uma oportunidade de lazer; foi uma oportunidade de compreender as nuances da gestão de espaços culturais e a criação de experiências imersivas para o público.

Esta visita iniciou-se com uma apresentação específica e adaptada ao Curso Técnico/a de Organização de Eventos, tendo sido dado a conhecer o tipo de eventos existentes no Museu do FC Porto e suas dinâmicas.

Esta apresentação surge na sequência de, neste momento, a Escola Profissional Raul Dória, se encontrar a negociar estágios para o Curso Técnico/a de Organização de Eventos no Museu do FC Porto, com o intuito de oferecer aos alunos uma formação prática junto de uma instituição de referência, como o FC Porto.


Os alunos foram conduzidos por um guia especializado, cujo conhecimento sobre a história do clube e suas conquistas era tão vasto quanto apaixonado. O guia conduziu o grupo de alunos através de uma jornada cronológica, desde os humildes começos do clube até os gloriosos momentos que moldaram sua identidade.


Além das exposições tradicionais, o museu também ofereceu aos alunos a oportunidade de mergulhar no mundo virtual do futebol. Uma área interativa permitiu verem hologramas e contactar com uma tecnologia de ponta.


Esta oportunidade permitiu aos alunos do Curso Técnico/a de Organização de Eventos refletir sobre o potencial das tecnologias imersivas para atrair novos públicos para eventos esportivos e culturais.

Esta visita ao Museu FC Porto não constitui apenas mais uma experiência, não mas sim uma lição sobre a importância de compreender e honrar o passado enquanto se olha para o futuro. Equipados com conhecimentos frescos e perspetivas renovadas, os nossos alunos de Organização de Eventos ficam mais preparados para enfrentar os desafios emocionantes que os aguardam no seu percurso académico e profissional.

Terminámos a nossa notícia relembrando que se encontram abertas as pré-inscrições!

Para quem tem o 9º. ano completo, menos de 20 anos e sonha ser um especialista na arte de criar experiências memoráveis, tem aqui a oportunidade de se inscrever no Curso Profissional Técnicoa de Organização de Eventos.


É este o Curso que procuras?
Faz já a tua
INSCRIÇÃO








0

Curso Programador de Informática, Cursos, Raul Dória
Curso Programador de Informática visita FEUP é a notícia que hoje temos o prazer de trazer.

No passado dia 28 de fevereiro os alunos do 10º e 11º ano do Curso Profissional Programador de Informática realizaram uma visita de estudo à Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP) ficando a conhecer o Departamento de Engenharia Informática, um dos laboratórios e terminando com uma visita guiada ao campus.

A visita teve início no auditório com o professor Nuno Flores que fez uma apresentação soberba sobre a Licenciatura em Engenharia Informática, motivando os nossos alunos a prosseguir os seus sonhos e demonstrando o mundo de oportunidades que o mundo da programação oferece.


Seguidamente tivemos o prazer de conversar com dois alunos que estudam na FEUP, um aluno do 1º ano da Licenciatura em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores e outro aluno do 5º ano da Licenciatura em Engenharia Informática. A conversa com estes dois estudantes foi uma forma de ficarmos a conhecer o mar de oportunidade que esperam os nossos alunos após a conclusão do Curso Profissional Programador de Informática.

A visita guiada pelo campus da FEUP permitiu conhecer novos estudantes e entender como a universidade está organizada e o que oferece aos nossos alunos quer a nível de lazer quer a nível de oportunidades.

Um dos grandes momentos foi conhecer um dos laboratórios. Tivemos direito a uma explicação real sobre uma investigação que envolve drones e ficou a vontade de nos envolvermos em projetos reais e estimulantes.


Esta visita de estudo à FEUP foi uma das primeiras que a Diretora de Curso, Erica Marques, pretende organizar para o Curso Programador de Informática. De acordo com a professora Erica


 “Numa altura em que cada vez mais nos chegam alunos a procurar o Curso Profissional Programador de Informática com objetivos concretos quer de ingressar no mercado de trabalho quer de prosseguir estudos, é fundamental proporcionar oportunidades que permitam aos alunos conhecer o que poderão fazer após a conclusão do Curso. O Curso Programador de Informática oferece um leque de opções imensas, e é nosso dever mostrar aos alunos que têm um futuro promissor à sua espera.”



Terminámos a nossa notícia relembrando que se encontram abertas as pré-inscrições!

Para quem tem o 9º. ano completo, menos de 20 anos e sonha desvendar os segredos por trás dos códigos e contribuir para o desenvolvimento de soluções inovadoras, tem aqui a oportunidade de se inscrever no Curso Profissional Programador de Informática.


É este o Curso que procuras?
Faz já a tua
INSCRIÇÃO







 






0

Ensino Superior, Sem categoria

Tudo o que precisas saber sobre a inscrição nos exames nacionais é o tema do artigo de hoje, o dia em que abriram as inscrições nos exames nacionais.


Quais as datas de inscrição nos exames nacionais?

1ª fase de exames nacionais: 26/02 a 08/03
2ª fase de exames: 17/07 a 18/07

Podes fazer a inscrição depois do dia 8/03, mas tens de pagar uma multa no valor de 25,00€.


Onde é realizada a inscrição?



As inscrições para a realização dos exames nacionais são efetuadas através da plataforma de inscrição eletrónica em provas e exames, disponível em https://jnepiepe.dge.mec.pt , plataforma conhecida como PIEPE.


Qual a documentação necessária?


Os alunos que não têm processo individual na escola de inscrição e  e que não se encontrem a frequentar qualquer escola, devem submeter, no ato da inscrição, os seguintes documentos:

– Cópia do cartão de cidadão;
– Cópia do documento comprovativo das habilitações académicas;
– Recibo do pedido de atribuição de senha para acesso ao sistema de candidatura online, disponível no site da Direção-Geral do Ensino Superior. Podes realizar o pedido aqui.


Como sei se preenchi bem a inscrição nos exames nacionais?


Após a submissão da tua inscrição, receberás um e-mail da escola a confirmar ou a dizer que encontrou algum erro. No caso de existir algum erro, tens apenas 2 dias úteis para corrigires na plataforma o que estiver errado. 


Onde posso ter mais informações sobre o acesso ao ensino superior?


Para te manteres atualizado e a par das novidades de acesso ao ensino superior, podes consultar:

– Direção-Geral do Ensino Superior aqui
– Uniarea aqui
– Inspiring Future aqui.



Onde posso aceder a exames nacionais de anos letivos anteriores?

A Escola Profissional Raul Dória criou, recentemente, um Centro de Apoio à Aprendizagem (CAA) que de entre vários objetivos, pretende apoiar os alunos que pretendem ingressar no Ensino Superior.

Atualmente tens ao teu dispor 3 páginas com exames nacionais:
– Exames Nacionais de Português;
– Exames Nacionais de Matemática A;
– Exames Nacionais de Matemática B.

Até ao final da semana terás acesso a provas para diplomados de vias profissionalizantes. 

0

Parlamento dos Jovens, Sem categoria
Alunos da EPRD nas sessões distritais do Parlamento dos Jovens é a notícia que hoje temos orgulho de anunciar.

A representar a EPRD nas sessões distritais e regionais vão estar os alunos Mário Arcanjo, do 10º. ano do Curso Técnico de Contabilidade, e Martim Magalhães do 10º. ano do Curso Programador de Informática.



O que são as Sessões Distritais?


As Sessões Distritais correspondem à segunda das três fases do Programa Parlamento dos Jovens. Nesta fase, os nossos deputados, Mário e Martim, vão participar no debate e aprovação do Projeto de Recomendação do círculo e eleger as escolas à Sessão Nacional, que decorre na Assembleia da República.


No dia 26 de fevereiro, começam as Sessões Distritais e Regionais do Parlamento dos Jovens, que decorrem até 19 de março, às segundas e terças-feiras, de acordo com o calendário, disponível no site do Programa (www.jovens.parlamento.pt).


As sessões que decorrem nas duas primeiras semanas não contam com a presença de Deputados da Assembleia da República, de acordo com a deliberação da Conferência de Líderes, que aprovou as regras de funcionamento da Assembleia da República após a dissolução.

Nas sessões de 11 e 12 e nas de 18 e 19 de março, participarão, como é habitual, os Deputados da Assembleia da República.

Como assistir às Sessões Distritais e Regionais?


A direção regional do centro do Instituto Português do Desporto e Juventude transmite em direto as sessões distritais do Programa «Parlamento dos Jovens» do ensino secundário. 
      
O calendário das Sessões Distritais é o seguinte:

  • Viseu, 27/02 – Auditório da Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu; 
  • Coimbra, 04/03 – Auditório do IPDJ;
  • Leria, 05/03 – Auditório 2 da Escola Superior de Educação e Ciências Sociais de Leiria;
  • Castelo Branco, 11/03 – Auditório do IPDJ;
  • Guarda, 12/03 – Auditório do IPDJ e 
  • Aveiro, 19/03 – Cineteatro Municipal de Estarreja.


Quem quiser pode acompanhar os diretos das sessões no canal youtube da IPDJ aqui.

Mário e Martim, a Escola Profissional Raul Dória, está convosco.

Para quem quiser saber mais sobre a participação da Raul Dória no Parlamento dos Jovens, basta consultar a primeira notícia aqui.
0

Curso Técnico de Multimédia, Inscrições
Curso Profissional Técnico/a de Multimédia é uma das novas apostas da Escola Profissional Raul Dória para o ano letivo 2024/2025, que têm vindo a investir nos Cursos Profissionais da Área da Informática.


Quem é o Técnico de Multimédia?


O Curso Técnico de Multimédia é uma excelente opção para quem é criativo, gosta de tecnologia e deseja seguir uma carreira desafiante e variada.

Este curso prepara os alunos para uma série de áreas que vão desde o design gráfico à animação, passando pela edição de vídeo e som, jogos e muito mais.

Os profissionais de multimédia têm uma grande variedade de tarefas, desde a criação de desenhos 2D ou 3D até à produção de conteúdos audiovisuais. Estes profissionais precisam ser versáteis em diversos softwares de edição e ter uma grande criatividade para produzir conteúdos atraentes e inovadores.

Contudo, o trabalho de um técnico de multimédia não se resume apenas a funções técnicas. Este profissional precisa ter uma visão artística para conseguir produzir conteúdos que realmente sejam impactantes e que atraiam a atenção do público.



Este curso tem a duração de 3 anos e dupla certificação: 12º ano de escolaridade + Certificado Profissional Nível 4.


O que faz um Técnico de Multimédia?

O Técnico de Multimédia é um profissional indispensável num mundo cada vez mais digital. A sua principal função é criar soluções de comunicação interativas através de conteúdos multimédia, como animações, vídeos, jogos, desenho gráfico em 2D e 3D, streaming e muito mais.


Quais as funções de um Técnico de Multimédia?


Por ser um profissional polivalente, o Técnico de Multimédia pode desempenhar diferentes funções no seu trabalho, como:


Idealizar e desenvolver produtos multimédia;

Fazer a edição de som digital, de sequências de vídeo, de imagens e integrá-los em apps;

Realizar captação e tratamento de imagens, som, vídeo e texto;

Programar conteúdos e apps multimédia;

Desenvolver animações digitais 2D e 3D;

Desenvolver conteúdos para a Internet;

Desenvolver conteúdos de streaming;

Desenvolver conteúdos para dispositivos móveis;

Desenvolver jogos.





Ainda não sabes se este é o curso adequado para ti?
Então consulta a nossa página do Curso Técnico de Multimédia!


Quais as saídas profissionais do Curso Técnico de Multimédia?

 

Designer gráfico;

Packaging designer;

Branding designer;

Designer multimédia;

Designer e animador 2D/3D;

Fotógrafo;

Editor de áudio;

Editor de imagem e vídeo;

Operador de câmara;

Copywriter;

Guionista;

Gestor de projetos multimédia.




Que softwares vais usar no Curso Técnico de Multimédia?

Photoshop;
Adobe Illustrator;
InDesign;
Adobe After Effects;
Autodesk Maya.



Que benefícios tens ao estudares no Curso Profissional Técnico de Multimédia?

 

Bolsa de material;

Subsídio de alimentação;

Bolsa de profissionalização;

Subsídio de transporte;

Seguro de acidentes pessoais;

Estágio em empresa do setor;

Qualificação profissional certificada;

Acesso ao ensino superior;

Participação em projetos Erasmus+.




É este o Curso que procuras?
Faz já a tua
INSCRIÇÃO


 

0

Concursos, Curso Técnico de Contabilidade, Curso Técnico de Organização de Eventos, Raul Dória
As turmas de 10º ano do Curso Técnico/a de Organização de Eventos e Técnico/a de Contabilidade participaram na 13ª. edição do Concurso “Geração €uro”, uma iniciativa do Banco Central Europeu (BCE) e dos bancos centrais nacionais do Eurosistema.

O professor de matemática, Pedro Costa, e o professor de economia, Jaime Sousa, orientaram os alunos nesta primeira participação no concurso “Geração €uro”. O seu principal objetivo foi sensibilizar os alunos para a importância da política monetária na vida quotidiana dos cidadãos da zona euro.

Embora as turmas não tenham passado à segunda fase do concurso, deram o seu melhor na primeira fase, que consistia na realização de um inquérito que testava os conhecimentos dos alunos sobre a política monetária e a sua compreensão do quadro económico e institucional da área do euro e do Eurosistema.

A participação neste concurso constitui uma excelente oportunidade para os alunos do 10º ano do Curso Técnico/a de Organização de Eventos e Técnico/a de Contabilidade aperfeiçoarem as suas capacidades de resolução de problemas e de pensamento crítico. Esta participação também proporcionou aos alunos terem uma experiência prática na aplicação de conceitos teóricos aprendidos na sala de aula a situações do mundo real.

Além disso, concursos como a “Geração €uro” ajudam a promover a literacia económica e financeira entre os jovens. Dada a importância da gestão do dinheiro e da tomada de decisões económicas na vida pessoal, estas iniciativas são particularmente cruciais para preparar os os nossos alunos para serem cidadãos responsáveis e informados no futuro.

Não podemos deixar de felicitar as turmas do 10º ano do Curso Técnico/a de Organização de Eventos e Técnico/a de Contabilidade pela sua participação no concurso “Geração €uro”. Esperamos que esta experiência não só tenha sido gratificante como também tenha incentivado os alunos a continuar a aprender e a explorar o mundo da economia e das finanças.

O que é o Concurso “Geração €uro”?


O concurso “Geração €uro” realiza-se todos os anos e tem como objetivo ajudar os alunos do ensino secundário a compreender o que é a política monetária e a sua relação com a economia em geral. Proporciona aos alunos uma visão geral do papel desempenhado por um banco central, permitindo-lhes conhecer a função dos instrumentos de política monetária, em particular as decisões sobre as taxas de juro, e utilizar alguns dos dados à disposição do Conselho do Banco Central Europeu (BCE). O concurso procura também familiarizar os alunos com o Eurosistema e aprofundar os seus conhecimentos sobre o mundo das finanças.

Através do concurso, os estudantes adquirem conhecimentos sobre os fundamentos da política monetária, incluindo a utilização das taxas de juro como instrumento de gestão do crescimento económico e da inflação. Aprende também sobre o papel dos bancos centrais na manutenção da estabilidade financeira e na promoção do crescimento económico. O concurso permite que os alunos testem os seus conhecimentos de uma forma estimulante e interessante, o que pode ajudar a despertar o seu interesse pela economia e pelas finanças.

0